O que é?

Considerando a necessidade da criação de política específica para atendimento de discentes indígenas e quilombolas, instituiu-se, como parte dos programas ofertados pela PRAEC, o Plano de Apoio à Permanência Indígena e Quilombola, o Programa de Monitoria Indígena e Quilombola e o Auxílio de Desenvolvimento Acadêmico Indígena e Quilombola.

Plano de Apoio à Permanência Indígena e Quilombola – PAPIQ

Destinado os discentes indígenas aldeados ou moradores das comunidades quilombolas, regularmente matriculados em cursos de graduação presencial da UNIPAMPA, permitindo acesso aos Programas de Alimentação Subsidiada, Programa de Moradia Estudantil, Programa de Apoio ao Transporte e Programa de Auxílio-Creche, com o objetivo de oferecer condições de permanência na Instituição, até a admissibilidade do discente no Programa Bolsa de Permanência do Ministério da Educação – PBP/MEC.

Programa de Monitoria Indígena e QuilombolaMonIQ

Consiste no fomento de alternativas para ampliar as condições de permanência dos acadêmicos indígenas e quilombolas, por meio de estratégias de acompanhamento socio-pedagógico, tais como: monitorias, orientações gerais sobre a vida universitária e sobre o acesso aos programas e benefícios de assistência estudantil, organizações de grupos de estudos, acompanhamento prévio a atividades avaliativas, apoio para planejamento de estudos, orientações sobre hábitos e rotinas de estudos e organização da vida acadêmica.

Anualmente são selecionados discentes bolsistas para exercerem atividades de monitoria, os quais atuam sob as orientações de servidores dos NuDEs, dando suporte e acompanhamento aos estudantes.

Auxílio de Desenvolvimento Acadêmico Indígena e Quilombola – ADAIQ

Objetiva complementar a política de apoio aos discentes indígenas e quilombolas, e visa promover a iniciação na vida acadêmica dos estudantes indígenas e quilombolas, por meio de atividades nas modalidades ensino, pesquisa, extensão e ações sociais, culturais e de atenção à diversidade no âmbito da comunidade acadêmica, que proporcionem a ligação entre o curso e as demandas das comunidades indígenas e quilombolas, incluindo seus saberes e sua cultura, na perspectiva da interculturalidade.

Normativas:

Instrução Normativa – IN UNIPAMPA Nº 5_2021_Indígenas e Quilombolas

Portaria- Portaria PRAEC n.º 05/2020 – Discentes do Curso Educação do Campo – Licenciatura