Arquivo da categoria: Sem categoria

Novos Insigths sobre fungos endoliquenicos.

Foi publicado ontem  (08/10/2019) o artigo intitulado “Morphological and Molecular Characterization of Three Endolichenic Isolates of Xylaria (Xylariaceae), from Cladonia curta Ahti & Marcelli (Cladoniaceae)” de autoria da egressa do PPGCB Ehidy Rocio Peña Cañon, atualmente pesquisadora da Universidad Pedagógica y Tecnológica de Colombia.

O artigo traz novas impressões sobre fungos endoliquenicos e suas relações sobre o processo simbiótico entre fungos e algas.

Acesse o link para o artigo na integra

Artigo de doutoranda do NEVA apresenta novos insights sobre a distribuição das diatomáceas epilíticas da Antártica

Artigo publicado na revista CheckList traz novos insights sobre as diatomáceas epilépticas da Antártica.

O trabalho é parte da Tese de Doutorado da pesquisadora Juliana Ferreira da Silva, que estuda microalgas da Antártica sob a Orientação do Prof. Antonio Batista Pereira (NEVA-UNIPAMPA) e Co-orientação da Profa Maria Agelica Oliveira (UFSM).

Acesse o artigo na integra em https://checklist.pensoft.net/article/34495/

 

NEVA completa 10 anos

O Núcleo de Estudos da Vegetação Antártica completa uma década de existência em 2019. O NEVA foi criado em 2009, ainda em Pelotas/RS, por iniciativa do Prof. Filipe Victoria  e pela Dra Margéli Albuquerque (ambos doutorandos pela UFPEL na época).

O primeiro produto gerado pelo NEVA foi um artigo publicado na revista Iheringia, Série Botânica naquele mesmo ano.

 

Em junho de 2010, a convite do Prof. Antonio Batista Pereira, a Dra. Margéli foi para a UNIPAMPA/São Gabriel para ocupar uma posição de Pós-Doutorado no âmbito do INCT-APA e assim o NEVA migrou também para uma nova instituição.

Desde então o Grupo de Pesquisa, cresceu e foi registrado oficialmente no diretório grupos de pesquisa do CNPQ (dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/8265413942199601) e tornou-se um grupo representativo na produção cientifica e formação de novos pesquisadores. Com o inicio das atividades do PPGCB/UNIPAMPA em 2010, pesquisadores em formação de mestrado começaram suas atividades no NEVA. Em 2015, com o inicio das atividades do do Doutorado do PPGCB/UNIPAMPA, o NEVA também passou a contar com pesquisadores para formação nesse nível acadêmico.

Como grupo de pesquisa, o NEVA possui uma sede própria no Campus São Gabriel, com espaços laboratóriais e equipamentos para pesquisas com plantas, fungos e solos da Antártica.

Desde sua criação, os pesquisadores do NEVA já geraram 132 artigos, 3 capítulos de livros e 3 livros.

Já foram formados 14 mestres no âmbito do PPGCB/UNIPAMPA que foram orientados pelos pesquisadores do NEVA, destes, 10 realizaram pesquisas com material oriundo da Antártica e 6 participaram de expedições ao continente gelado.

Atualmente o NEVA conta com 5 docentes que coordenam, desenvolver ou gerenciam as pesquisas dentro do grupo. Hoje somos mais de 30 pesquisadores, entre docentes, alunos de graduação, pesquisadores de mestrado e de doutorado. Com diversas colaborações no Brasil, America do Sul e Europa.

Assim a ideia do NEVA se estabeleceu como uma realidade para a pesquisa com a vegetação polar, possuindo autonomia científica e buscando excelência na geração de conhecimento e formação de recursos humanos capaz de continuar o legado da pesquisa  na Antártica.

Que venham os próximos 10 anos…..

 

 

Primeira Reunião do PROANTAR Edital 21/2018

Os professores Antonio Batista Pereira e Filipe Victoria estiveram em Brasília para a primeira reunião do Comitê Gestor do Edital CNPq/MCTIC/CAPES/FNDCT No 21/2018 – PROANTAR.

Nessa ocasião os coordenadores dos 17 projetos apoiados por este edital, estão apresentando os objetivos de suas pesquisa nessa nova edição de apoio do PROANTAR.

Foram traçados os princípios que irão nortear os procedimentos de avaliação dos projetos fomentados neste edital.

O Núcleo de Estudos da Vegetação Antártica participa com o projeto “Bryotecnologia antártica como alternativa para produção de medicamentos”, contando com fomento de custeio, capital e bolsas de doutorado.