Multiplexador 1:4

Esse post tem a intenção de mostrar um circuito equivalente ao circuito integrado (CI) CBT3253 implementado no software LTSpice utilizando chaves simples. A finalidade dessa implementação é possibilitar uma análise modular do circuito do SDR. Como dizia Sun Tzu: “Dividir para conquistar”!

O multiplexador opera misturando ou separando sinais. Nesse caso, o multiplex trabalha como um Detector de Taylor, amostrando o sinal de entrada e o entregando às 4 saídas que alimentam os amplificadores LT6231, os quais operam como filtros passa-baixa. Dessa forma, tem-se dois sinais defasados em 90° já filtrados na saída desse circuito.
Uma vez que os filtros são projetados para operarem com 5 volts e sem tensão negativa, as entradas positivas dos amplificadores LT6231 servem para aplicar um offset no sinal de entrada e evitar que ele seja cortado. A figura abaixo mostra o circuito implementado pelo Edson PY2SDR, mentor do Projeto Minuano.

A simulação foi feita considerando a frequência de 10 MHz, diferente dos 14 MHz empregado no projeto. O motivo para essa escolha é a praticidade, uma vez que em 14 MHz o período da frequência resulta em várias casas decimais, implicando em complexidade no preenchimento das variáveis de simulação.

Os sinais de saídas são mostrados abaixo.

Mais informações sobre esse circuito podem ser encontradas nesse LINK.

Qualquer dúvida, entre em contato com o clube!

Escrito por: Rodrigo Facco – PU3FAC.